quinta-feira, junho 24, 2010

De Espanha. Por vezes bons ventos e casamentos.

Temos o hábito de discriminar de acordo com o que fomos aprendendo ao longo da vida.
Os nossos vizinhos espanhóis, por motivos múltiplos que marcaram a nossa história, foram sempre considerados "invasores" de quem nunca se poderiam esperar bons casamentos porque os seus intuitos seriam sempre os de nos predar a independência.
Tudo está diferente.
A - cada vez maior - capacidade de interacção com os povos mostra-nos que somos todos parecidos, senão iguais. E ao passar por Espanha (ou por qualquer outro país ocidental) encontramos os mesmos problemas que aqui, em Portugal, encontramos. Desde ouvir falar da corrupção dos seus políticos, ao problema dos cócós dos animais de estimação (no Facebook já há grupos espanhóis "Contra las cacas de perro")

http://www.facebook.com/pages/Harto-de-las-cacas-de-perro-en-el-centro-de-Sevilla/116078468403682
http://www.facebook.com/group.php?gid=116357510082&ref=search
http://www.facebook.com/group.php?gid=116357510082&ref=search

... entre outros...

Mas... o assunto é outro... o filme que a Tv espanhola emitiu sobre Portugal. Uma delícia!
Já que não nos conseguimos animar a nós próprios, aproveitemos o que de bom dizem de nós, desvalorizando o resto.

Portugal na TVE from Nuno Costa on Vimeo.

11 comentários:

09smvirgilio disse...

Isto deixa-nos vaidosos! Obrigado pela dica deixada no meu blogue, mas por azar não consegui ver! Está com muitas paragens e cortes, experimentarei outro dia!
Abraço

Rui Caldeira disse...

"contra las cacas de perros" é sem duvida um grupo com maior impacto do que o grupo "Socrates, eu acredito que es honesto" . . . alem deste ultimo só contar com 1 fã :|

Grande abraço António

Olhos Dourados disse...

Ao menos isso!

Antonio Branco disse...

Virgílio - é sempre bom ouvir falar bem de nós! Nem que sejam aqueles donde nem bons ventos nem bons casamentos esperamos. Nem que seja só para nos trocar as voltas...

Antonio Branco disse...

Rui Caldeira - Ainda fui ver o que havia no Facebook sobre José Sócrates. Ainda há vários grupos, sendo o que tem maior adesão o "Movimento de Cidadãos Que Exigem a Demissão de José Sócrates" com 8568 aderentes... menos que os da caca de perro... (Só estou a constatar...).
Um abraço Rui!

Antonio Branco disse...

Olhos Dourados - É verdade. Ao menos que haja uns vizinhos a elogiar-nos.

S* disse...

Fiquei orgulhosa... que bom. :)

Dark angel disse...

Tenho tanto-mas-tanto-mas-tanto-mas-tanto orgulho patriótico neste vídeo que tenho,só por teimosia e vaidade, que o partilhar com todos os meus contactos de email. É fantástico mesmo. E fantástico seria, se todos nos revíssemos nas tantas maravilhosas histórias e paisagens deste tão belo país onde somos nós mesmos. Lindo ainda mais seria, se nos enchêssemos de sorrisos por tudo o que temos, e de alguma forma preservássemos a nossa fantasticidade. Mas NOJO para os nossos governantes, que nos levam todos os dias para um poço sem fundo. Isso é que é vergonhoso. Desculpe o testamento, mas nisto, não me orgulho. Sou uma jovem revoltada, sem grandes brilhos e esperanças na nossa classe política. Infelizmente. Vergonha.

Antonio Branco disse...

Olá Dark Angel. Já tive mais orgulho patriótico do que hoje. Perdi-o à medida que fui verificando que entre nós se aplicava uma lei que nem foi descoberta por um português: "Cada um é promovido até ao nível da sua incompetência". A generalidade das pessoas progride em postos nas cadeias de comando (em empresas, na política) até ao momento em que já não desempenha a função em condições. A partir daí, começa a fazer asneira e não progride mais. Só que destrói tudo o que está abaixo e à sua volta. É a natureza humana. E os nossos dirigentes têm sofrido desse mal. A responsabilidade também é nossa. Indivíduos com potencial para serem bons dirigentes não são voluntários. E eu percebo-os. Quem se ofereceria para ser apedrejado, já que a certa altura todos os políticos são tratados da mesma forma pois fizemos um desenho deles que poderá até não corresponder à realidade de alguns?
Portugal é bonito. Tem uma rica história. Mas acho que em relação à história, os constituintes da "nação valente", na sua partida para os descobrimentos, levaram os genes "valentes" e não voltaram ;)
Temos de viver com os genes que temos e de aceitar os que cá chegam.
Temos de ser nós a avançar.
Bjs

Dora disse...

Que história é essa dos cocós dos animais?

Antonio Branco disse...

Olá Dora! Somos todos parecidos por esse mundo fora. A história dos cocós dos animais tem a ver com isso. Nós reclamamos dos ditos pelas ruas de Portugal. Mas os outros povos também. Basta ver que no Facebook há vários grupos espanhóis que se levantam contra este tipo de sujidade nas suas cidades. Somos parecidos em muitas coisas. Essa é uma delas.